Viagem: três dias em Lençóis e algumas aventuras

A ideia inicial era viajar para o Vale do Capão, mas aproveitamos a passagem pela Chapada Diamantina para ficar alguns dias em Lençóis – e valeu a escolha! Foi um prazer conhecer a cidade, e pensando em quem nunca foi (como era meu caso), espero que essa experiência e algumas dicas de transporte (pra quem sai de Salvador), estadia, restaurantes e passeio sejam úteis pra você. ❤️

A linha aérea Azul é a única que tem voos para Lençóis, mas os dias e horas de saída de Salvador são restritos e por isso, dificilmente será menos de R$600, ida e volta. Em compensação, o percurso leva 45 minutos, enquanto de ônibus (Real Expresso), foram cerca de 8 horas de estrada. Mas a viagem foi tranquila e até passa num piscar de olhos pra quem tem facilidade de dormir. E esse, definitivamente, é o nosso caso! 😴

Chegamos! Lençóis é encantadora. Pequena e aconchegante, com construções antigas e uma beleza natural grandiosa ao redor. O sol estava de rachar, e com ele seguimos para acomodar nossas mochilas na pousada e descansar um pouco.

Lençóis.jpg

Pesquisei a pousada no Booking, onde nos informamos sobre a diária, estrutura, a distância até o centro da cidade e lemos os comentários de outros hóspedes. E a escolhida foi a Bela Vista, que faz mesmo jus ao nome: o quarto que ficamos tem vista para a montanha (onde o sol se põe), e um rio próximo, que dá pra ir andando! Cerca de 10 minutos até chegar à trilha e mais uns 15 por ela. É de fácil acesso (alguns nativos até lavam roupas lá) e tem algumas piscinas naturais.

De volta à pousada… ela fica há 400 metros do centro e é preciso subir uma ladeira até lá, mas isso não foi um problema para nós. É simples, tem ventilador, ar condicionado, frigobar, e o banheiro é espaçoso e limpinho. Mas o bom mesmo é o atendimento dos donos, Aurea e Luciano, que nos receberam com carinho e prepararam um café da manhã delicioso (garantiram até nosso lanche para a trilha).

Durante o final de semana, neste período de alta estação, a noite estava relativamente movimentada. O centro da cidade tem duas ruas principais de casas coloridas que acomodam algumas lojinhas, lanchonetes, cafeterias e restaurantes. Mas é na frente do Bodega Restaurante Pizza Bar que quem gosta de música fica, junto com músicos da cidade, que se instalam com seus instrumentos e caixa de som para animar os turistas e nativos. E foi lá que ficamos!

Mas antes, brindamos com as cervejas artesanais locais, “Nomade” e “Lua Nova”, essa segunda tem um toque de café – a minha preferida! Dia seguinte, a parada gastronômica foi no Namoranga, onde comemos uma moqueca vegetariana maravilhosa e muito bem servida (R$40), feita pela chefe Leila Silva, com cajú e jaca, acompanhada por arroz, salada e farofa de soja como cortesia da casa. Já o almoço do dia da partida foi no O Bode, um restaurante à quilo que fica próximo à estação rodoviária e me surpreendeu com opções para vegetarianos (o feijão tropeiro, por exemplo, não tinha carne).

moqueca-namoranga-lencois
Moqueca de jaca e cajú do Namoranga

Mas a passagem por Lençóis não parou por aí, e em pleno domingo, agendamos com a agência Zentur Ecoturismo um roteiro tradicional que começou às 8:30 e durou todo o dia, divido em curtas trilhas para conhecer lugares incríveis, começando pelo Rio Mucugezinho (dado pela vegetação ao redor) e um mergulho no Poço do Diabo, uma cachoeira com cerca de 20 metros de altura que ganhou esse nome por conta da sua história: Dizem que os senhores jogavam os escravos que desobedeciam lá de cima, mas seus companheiros conseguiam resgatá-los a tempo, por um caminho alternativo, e isso deixava os senhores intrigados, acreditando ser, na verdade, uma maldição.

poco-do-diabo-amanda-dragone

Depois partimos para a Gruta da Fumaça. Com capacete e lanterna nas mãos, entramos na caverna, e o guia foi nos contando sobre a estrutura (estalagmites, estalactites, rs), e tivemos a incrível oportunidade de experimentar o silêncio e escuro, por completo, sentindo toda a energia do local. Uma sensação única! E a vontade era de ficar ali.

Pausa para o almoço – muito bem servido -, no Restaurante Casa da Farinha. Comida com tempero caseiro, onde experimentamos um picadinho de cacto e suco de maracujá nativo (orgânico e mais refrescante que o daqui). E então, seguimos para a Fazenda Pratinha, um lugar lindo com rio de águas cristalinas cheio de peixinhos e outras atrações naturais: Gruta da Pratinha com passeio de flutuação (R$40 por pessoa);

gruta-da-pratinhagruta da pratinha flutuação.JPG

A Gruta Azul, que tem esse nome por conta da sua cor com a incidência do sol;

gruta-azul

Além de serviços de bar, tirolesa (R$20), passeio a cavalo, etc. Um lugar pra passar o dia!

Por fim, fomos ao Morro do Pai Inácio, que fica no município de Palmeiras e é um dos lugares mais requisitados da Chapada! A subida é íngreme – são cerca de 1.150m de altitude -, mas não é de difícil acesso. A vista é incrível e dá pra ver outros morros, como o do Camelo e os Três Irmãos. A sensação é de estar no topo do mundo e sentir o quanto somos pequenos diante de algo tão grandioso, ao mesmo tempo, que fazemos parte de tudo aquilo. ❤️ Foi uma experiência maravilhosa. E pra mim, a delícia de fazer muitas coisas pela primeira vez.

morro pai inácio.jpg

Muitas pessoas que vão de carro optam por se aventurar a fazer o percurso e trilhas de forma independente, mas diante da experiência que tive, acho válido considerar o serviço da agência (R$180 por pessoa, incluindo transporte, guia, almoço e entrada em alguns pontos), principalmente quem não terá muito tempo de viagem. Sem contar que o passeio se tornou ainda mais divertido, seguro e informativo com a companhia da guia, do motorista e dos casais de Brasília e da Itália que seguiram junto com a gente!

No dia seguinte, compramos a passagem de ônibus para Palmeiras (sai às 5h, 13h ou 20h), onde ficam os transportes chamados rural que seguem para o Vale do Capão. Mas isso, já é viagem para um outro post…

Vida Simples + Feito Brasil

Semana passada em um mini passeio sem rumo pelas redondezas, passei numa floricultura (comprei flores para mim), e também numa banca de revista (coisa que eu não fazia um tempão), e atendida com muita gentileza, encontrei revista Vida Simples que há pouco havia começado a seguir no Instagram, @vidasimples.

revista-vida-simples

Capa “simples” como o nome e matérias com temáticas sobre fases da vida, experiências, iniciativas interessantes e dicas de empresas diferenciadas! Uma delas, a Feito Brasil (www.feitobrasil.com.br),  que fica no Paraná e foi criada por Lena Peron.

Pelo nome, imaginei (e acredito que a maioria imaginaria também) uma empresa com valores que preza pela produção local, e possivelmente, à mão. Acertamos em cheio! Mas não é “só” isso: a identidade da marca é encantadora, com embalagens criativas e divertidas, para mulheres e homens (como o pós barba). Quer dois exemplos? O sabonete esfoliante em barra em formato de picolé (R$28) e a linha de hidratante corporal “essência musical” (R$65) que a tampa remete à um vinil. ❤

cosmeticos-criativos

Mas também, a linha Destinos do Brasil que mostra bem a valorização da nossa cultura!

destino-do-brasil

E agregado à isso, o propósito e valores da Feito Brasil, “de fazer o mundo onde estamos um lugar mais belo, provando que é possível uma empresa ter alma” com base em quatro pilares: valorização do ser humano (e dos animais já que os produtos são livres de crueldade); sustentabilidade; brasilidade, arte e cultura, e tchan, tchan, tchan: empoderamento da mulher! Tendo à frente da companhia, mulheres nos principais cargos de chefia, gestão e produção. E mais (clique aqui para ver)!

valores feito brasil.png

Mas não basta falar, tem que experimentar e compartilhar! Pra isso, aproveitei esta linda manhã de sábado para fazer compras na loja online. 😀 Veja o que foi pro carrinho:

feito-brasil-cosmeticos
Kit Pimenta com Canela R$68 R$47,60 | Gel Esfoliante Papaia e Damasco R$59

O cadastro na loja é super rápido e simples. Quanto ao preço, algumas pessoas vão achar um pouco alto, mas é preciso levar em consideração toda a proposta da empresa e seus custos, que certamente são proporcionalmente superiores à de grandes. O total da compra foi R$134,16, contando com frete de R$27,56.

Mas enquanto os produtos não chegam, confira outras empresas, desse e de outros seguimentos, que também deram às caras na revista Vida Simples de novembro:

www.atilatte.com.br
www.quintalcosmeticos.com.br
www.festejoinbox.com.br
www.muriquiceramica.com.br

Bazar solidário pra fazer o bem com estilo

Tenho uma novidade pra contar!

Há cerca de um mês chegou ao meu coração o Circuito do Bem, um projeto que foi tomando forma aos poucos – e ainda está. Mas já posso dizer que é uma iniciativa com o intuito de organizar pequenas ações de amor pra levar também mais informação. E para iniciar esse circuito com estilo, nesse sábado, dia 19, das 10h às 17h vai circular o bazar solidário no Restaurante Mariposa do Boulevard 161 (Itaigara).

Convite Bazar Solidário.png

Durante o evento serão vendidas peças de diversas marcas, novas e semi novas, mas todas em ótimo estado de conservação, com preços de achadinho! Roupas, acessórios e sapatos femininos, doados por pessoas que já se conectaram ao Circuito, e por empresas que se identificaram com a proposta da ação, como a The Finds, Elementais, Carol Oliwe e Turmalina.

Siga @circuitodobem no Instagram

Além de incentivar uma atitude sustentável, a renda arrecadada com a venda das peças será revertida para a ACCABEM (Associação Casa de Caridade Adolfo Bezerra de Menezes), um asilo em Lauro de Freitas que atualmente abriga 87 idosos, homens e mulheres, deficientes físicos ou não, e se mantém através de doações e trabalho voluntário.

Mas o bazar solidário do Circuito do Bem não para por aí. Então chama as amigas e se prepara pra uma programação especial com música, informação de moda e um cardápio ainda mais gostoso, pra dois!

  • Palestra “Organização e Consumo Consciente” da consultora e gestora de moda para o varejo Chris Corcino (11h);
  • Pocket show de Vitor Pretto (13h);
  • Oficina de customização de jeans ministrado pela designer de moda Paula Calazans (15h30) – Não esquece de levar seu jeans para dar uma repaginada;
  • Menu Euzaria, que irá levar para o dia do evento seu modelo de negócio: a cada refeição pedida outra será gerada para quem precisa. Um motivo a mais para reunir a família e amigos em volta da mesa! 😉

cartapio-A5.jpg

Pequenas ações feitas com amor podem mudar o mundo – começando pelo seu. ❤

Dia das diferentes mulheres

Seria clichê dizer que todos os dias também são nossos, assim como o direito por condições iguais entre gêneros seria óbvio, mas ainda hoje a consciência desperta.

A superioridade velada em piadinhas e atitudes tidas como inofensivas, tem raiz em uma história que de contada tantas vezes, se tornou normal e inconsciente. E diante disso, a exigência por uma resignificação de valores, para muitos, se tornou chata.

Porque hoje, a data que oficialmente é reconhecida como dia da mulher tem resgatado seu sentido, dispensando apelos comerciais que distrai com anúncios de tratamentos de beleza com desconto para falar sobre conquistas, direitos e momentos marcados por luta e reações corajosas.

É verdade que diante de um movimento relativamente novo, avançamos, mas existe um longo e árduo caminho pela frente, que é menos meu que de muitas outras mulheres, pois poucas vezes me senti diretamente vítima do machismo, e compreendo: minha vivência não é “unidade de medida” quando me encontro em uma posição privilegiada.

infinito

Por isso, aproveito nosso dia infinito para compartilhar um video que trata sobre o feminismo de uma forma leve e muito esclarecedora sobre suas vertentes, onde Nátaly e Julia conversam sobre o respeito ao sofrimento particular quando características físicas e condições socioeconômicas colocam na bagagem de cada uma diferentes experiências. Ainda que mulher, em concordância com o feminismo e usando ao máximo o poder da empatia, é preciso estar na pele para defender com propriedade algumas questões.

Vale a pena separar alguns minutinhos para assistir, um video de utilidade pública!

Um livro Extraordinário

Se eu tivesse que definir o livro “Extraordinário” em uma só palavra, seria EMPATIA. O título, que combina perfeitamente com a obra escrita em 318 páginas por R.J. Palacio, nos leva a viajar pelo coração de cada personagem, e, literalmente, nos colocarmos no lugar do outro.

Uma história de amor, amizade, superação e amadurecimento contada a partir, e através da visão, de um menino de 10 anos chamado August Pullman. E o que Auggie tem de especial? Para ele, nada…

livro extraordinário august pullman rj palacio

É um garoto que como outros é fã de Star Wars, passa parte do tempo jogando video game, estudando e brincando com sua cachorrinha Daisy. Mas para algumas pessoas, ele é diferente, e assustador. Outras, até concordam: ele é mesmo diferente – extraordinariamente encantador!

A sensibilidade impressa na construção de cada personalidade e diálogo, é, para mim, um dos grandes presentes de Extraordinário; onde a empatia entra em cena intensamente! Onde todo o processo de aceitação e adaptação de August na nova escola é contada não apenas através do seu ponto de vista, mas com o passar das páginas, também aos olhos de quem está ao seu redor, como a irmã Via e a melhor amiga Summer.

Uma história emocionante, que toca e revela o August que existe dentro de cada um de nós, com suas dificuldades, inseguranças e receios. Um livro que nos faz experimentar a aceitação e compreensão na sua forma mais pura, através da essência de uma criança, e mostra que são as nossas diferenças, que nos fazem iguais… ❤

Snoopy e Charlie Brown – Peanuts, O Filme

Bateu nostalgia! A turma que fez parte da infância de muita gente através da genialidade das tirinhas de Charles M. Schulz, ganhou vida nova ao chegar, agora em janeiro de 2016, às telas do cinema com “Snoopy e Charlie Brown – Peanuts, O Filme”.

filme snoopy cinema charlie brown.jpg

Sinopse: Próximo das férias de inverno, a vida de Charlie Brown e sua turma sofre uma mudança com a chegada na cidade de uma garotinha da cabelo vermelho. Brown logo se encanta pela jovem e tenta lutar contra sua timidez e sua baixa autoestima para falar com ela. Ao mesmo tempo, Snoopy encontra uma máquina de escrever e começa a imaginar uma história pra lá de fantasiosa e heróica.

O roteiro do filme é a adaptação de um copilado de tirinhas de Peanuts, tendo como fio condutor a chegada da garotinha ruiva no bairro e escola da turma, além das clássicas aventuras imaginárias de Snoopy, que assume o papel de um heróico piloto para enfrentar o Barão Vermelho e salvar sua amada. Uma combinação que trouxe humor, ação e sensibilidade para a vida dos personagens, e também para a nossa!

woodstock snoppy filme.jpg

O enredo, que gira em torno de um amor platônico, revela pontos psicológicos bem interessantes pra gente grande analisar e refletir, como a insegurança de Charlie Brown e a necessidade de autoafirmação de Lucy, através da ingenuidade da criança. Um dos pontos forte também das tirinhas! ❤

charlie brown apaixonado.jpg

Fiquei encantada com os detalhes da animação. Desde a trama do tecido das roupinhas, à marcas no chapéu e a textura dos cabelos. É lindo de ver! Mais ainda diante do cuidado que tiveram em atualizar o visual do desenho mantendo os traços do cartoon e deixando permanecer a essência da obra.

E a trilha sonora? As músicas interpretadas por Meghan Trainor, “Better When I`m Dancin” e “Good ToBe Alive”, são simplesmente deliciosas de ouvir! ❤

É filme para a família toda se divertir, com cenas e diálogos bem humorados e o resgate de valores de ética, coragem, humildade e companheirismo. Saí da sessão feliz da vida! Mas não antes de ver as cenas extras entre os créditos, heim? 😉

snoopy charlie brown filme.jpg

Sério! Vale a pena assistir. 😀

Calendário 2016 pra imprimir em casa

Eu era o tipo de pessoa que ia comprar feliz da vida a nova agenda, mas no início de março esquecia que precisava olhar ela pra lembrar dos compromissos, rs. Passei então a usar calendários de parede, desses com espaço para escrever. Mas quando comecei uma rotina de trabalho intensa, voltei para a agenda e hoje é meu grude! Escrevo tudo nela, deixando a cabeça livre e ela sempre aberta na página do dia.

Mas calendários desse estilo tem seu lugar e são ótimos para o planejamento de um projeto específico; como organização de um casamento, por exemplo. Por isso, ano passado compartilhei um calendário desenvolvido através de uma linda parceria, e este ano vou repetir a dose, dessa vez com o calendário 2016 criado pela minha conterrânea, também  designer e blogueira Mary Micucci!

calendário 2016

Clique aqui para fazer o download do PDF do Calendário 2016 completo.

Depois é só imprimir, em casa ou gráfica rápida, de preferência em papel com gramatura acima de 120… 😉 Assim fica mais fácil e inspirador cumprir todas as metas e não esquecer de nenhuma compromisso em 2016, né?

Obrigada, Mary, por nos dar esse presente. ❤