Nem tanto, nem tão pouco

A medida que fui trabalhando meu estilo pessoal e praticando o desapego, percebi que o ponto-chave para estar satisfeita com meu guarda-roupas não está na quantidade de peças, mas no autoconhecimento e quão bem escolhidas foram as que estão ali dentro.

É claro que comprar um roupa nova, é muito legal. É como uma boa notícia que alegra o dia, enquanto as roupas que já temos são como recordações, o que significa que elas dizem muito sobre nós e não merecem ser desconsideradas simplesmente em detrimento de novas roupas.

Saber valorizar o que já está em nosso acervo há tempos é dar vazão à criatividade e a oportunidade de lapidar o estilo pessoal, tornando-o cada vez mais autêntico. Porque o que renova o visual não são as roupas da vitrine, mas nossas próprias ideias e atitude.

Não tenha medo! E nem se desespere se achar que não tem roupa para ir ao casamento de um amigo, batizado do afilhado ou um simples almoço entre amigas. É claro que o desejo de comprar algo para uma data especial surge – e você pode comprar -, mas se dê a oportunidade de abrir o guarda-roupas – sem julgamentos -, e colocar em cima da cama todas as peças que parecem adequadas ao dress code do evento.

opportunitties

Depois, observe com carinho. Teste até mesmo as combinações mais improváveis e você verá surgir muitas possibilidades na sua frente e um guarda-roupas renovado! Não é feitiçaria, é tecnologia consciência e versatilidade!

Ainda vou vontade de guardar menos coisas do que tenho, mas sei que não serviria para ter um armário-cápsula. Nem tanto, nem tão pouco! Amo cores, misturar estampas e isso traz mais alegria para minha vida! Tenho chegado em um ponto interessante, entre me presentear com boas notícias e valorizar meu passado.

Foi o video abaixo e tudo que tenho experimentado sobre o assunto que me inspirou a conversar um pouco sobre esse tema hoje. Vale a reflexão. 😉


Um grande beijo! ❤

Insecta shoes: estilosos, ecológicos e veganos!

Já ouviu falar sobre a Insecta Shoes? Uma marca de sapatos que surgiu em 2014, em Porto Alegre, e é simplesmente inspiradora em todos os sentidos! Além de fabricarem sapatos com uma dose generosa de estilo único, a empresa cuida de todos os detalhes em sua cadeia de processo para respeitar o meio ambiente e pessoas envolvidas.

Sapatos ecológicos e veganos!

insecta-shoes.gif

Todas as peças são produzidas no Brasil com mão de obra regularizada. Os solados são feitos com garrafas de plástico recicladas e cada coleção é pensada mensalmente de acordo com os tecidos e estampas encontrados em roupas antigas que ganharão um novo sentido, mudando o velho mood para dar cor aos nossos pés, sem seguir a moda, mas mantendo um conceito super atual.

A maioria dos modelos são unissex com preços entre R$259 e R$279. As opções de sapatos que originalmente saíram do guarda-roupa masculino e ganharam novas versões para invadirem também o visual das mulheres são muitas, como é o caso das botas e oxford. Eu particularmente adoro! E se você também se identifica com esse estilo, pode se preparar porque a Insecta é um prato cheio!

Siga @insectashoes no Instagram

Mas todo esse conceito vai um pouco mais além! A preocupação com a sustentabilidade não acaba por aí e a pesquisa por alternativas cada vez mais responsáveis é constante, como o uso da bicicleta para que os sapatos cheguem até os clientes de Porto Alegre, a reutilização de móveis no escritório da empresa e até mesmo o site, onde são calculados os acessos anuais para que sejam plantadas o número de árvores necessárias para neutralizar a emissão de CO2 que os servidores da Insecta emitem.

E tudo isso só atribui ainda mais charme para cada sapato, que são simplesmente lindos e quase exclusivos, já que são feitos de roupas antigas e provavelmente não terão seus tecidos reproduzidos. Olha aí, o antes e o depois. ❤

insecta-shoes-antes-depois-roupa-vintage.jpg

Não é maravilhoso? Já estou ensaiando minha primeira compra na loja online, que também tem mochilas e necessaires confeccionadas em parceria com a Colibrii, outra empresa super bacana que certamente vale um outro post. 😉

Todo mundo tem uma peça-vício

Todo mundo tem aquela roupa ou acessório que é capaz de sair correndo atrás da gente só de pensarmos em não usá-la; de tanto que a gente usa. São conhecidas como peças-vício! E eu adoro quando elas chegam em minha vida. 😀

Pra mim, são prova de que a compra não foi feita por impulso e valeu cada centavinho e tempo gastos na escolha. Além disso, pare pra pensar: se o que usamos costuma representar a nossa personalidade, o quanto de nós tem nessa peça pra gente querer repetir 3, 4, 622 vezes? É o nosso estilo pessoal falando mais alto!

E o meu, que tem sempre uma boa dose de conforto, um toque de cor e acessórios delicados, tem usado e abusado dos itens abaixo para me expressar nesse verão e além!

itens preferidos

Regatinha “O melhor vem de dentro” Euzaria – R$79,00
Batom Rosalidi Quem Disse, Berenice? – R$31,90
Anéis Pandora – R$265,00 e R$245,00
Melissa Boemia amarela – R$110,00
Menorquina com estampa de onça Candida Specht – R$149,00

Agora, faça mentalmente a sua lista de peças-vício e reparem que elas tem algo em comum: a versatilidade! Por mais que sejam estampadas ou de cor vibrante, combinam tanto a gente que acabam se coordenando naturalmente com outras peças do guarda-roupas, inspirando novas combinações para acompanhar a estilera do dia! 😉

Look do dia é pura futilidade e exibição!

A maioria dos blogs de moda e lifestyle tem a tão comentada tag look do dia. Algumas pessoas criticam e acham que é pura futilidade e exibição. Eu adoro, apesar de ter poucos por aqui. E que diferença faz se a roupa que a pessoa está usando é vista na rua ou através da internet? Não existem também revistas de moda e seus editoriais? Porque isso não pode se tornar mais real e acessível? Estamos na era digital!

look do dia amanda dragone foto michele rodrigues 2

A questão é simples: se a roupa que a gente usa não fosse para ser vista, nós perderíamos parte da motivação para fazer diversas escolhas, afinal, a moda sendo vista como forma de expressão, se não temos com quem nos comunicar, perde um pouco da graça, né? Eu mesmo andaria basicamente de pijama, hahaha!

look do dia amanda dragone foto michele rodrigues 4
– Nery, artista plástico talentoso e muito gente boa. Obrigada!

É claro que nesse caso de look do dia existe uma linha tênue entre o exibicionismo e a comunicação, mas depois que compreendido o perfil de cada pessoa, existe uma diferença enorme entre se vestir para os outros e compartilhar o que vestimos.

Quando coloco um look do dia no ar, não estou dizendo que sou referência no assunto, mas que assim como você, tenho o meu estilo e estou dividindo escolhas, experiências e dicas. Coisas que funcionaram pra mim, também podem funcionar pra você caso a gente tenha algo em comum, como gostos, biotipo, estilo de vida, etc.

look do dia amanda dragone foto michele rodrigues 6

E não precisa ter blog pra isso! Basta sentir prazer em desenvolver um estilo pessoal que deixe transparecer parte da sua personalidade, e provavelmente você vai ter vontade de falar sobre o assunto ou que as pessoas saibam das suas preferências através do seu visual. Blog é só um veículo pra você continuar sendo quem você é; nada de especial ou que exija especializações. É como uma conversa na mesa de bar ou na fila do cinema.

look do dia amanda dragone foto michele rodrigues 5

Seus amigos não veem o que está vestindo, e se gostam, até perguntam onde você comprou e elogiam? Então, é a mesma coisa! E eu acho o máximo isso, porque eu também aproveito para pegar as dicas deles e das leitoras do blog, além de servir de lição pra mim.

look do dia amanda dragone foto michele rodrigues 1

Consultoras de moda vivem falando para seus clientes fotografarem o look em frente ao espelho. Assim a pessoa vai criando uma noção maior sobre o próprio corpo, o que funciona melhor para ela, além de registrar uma combinação que deu certo e pode ser repetida. Ótimo para falta de tempo ou crises de “não tenho roupa”!

Quantos looks já coloquei no ar, no Instagram ou aqui, e depois de um tempo olhei e pensei: huuum, não estava legal… não usaria mais isso, ou, dobraria a barra da calça de outro jeito. É uma experiência de autoestima e conhecimento. Nada de futilidade! Até porque, se formos apontar cada coisa e julgar dessa forma, a vida não vai ser nada leve.

look do dia amanda dragone foto michele rodrigues 3

Blusa: made in guarda-roupas da mãe
Short: Rosa Chá (ganhei da marca)
Sandália: Via Maria (presente dos sogros)
Maxi brinco: Vinícius Cerqueira para Algaszarra
Bracelete e bolsa: Algaszarra

Pense nisso, e se mudar de ideia, poste seu look do dia também! E faça o favor de me marcar que eu vou adorar ver, heim?! 😀

Fotos: Michele Rodrigues

Look do dia #RodaGiganteCocaCola

Tem coisas que simplesmente remetem à infância. Algodão doce, aquaplay e roda-gigante. Mas essa última não fez parte da minha. 😦 Dá pra acreditar? A mãe colocava um medo… ainda assim ela estava lá, em plano de fundo deixando o cenário dos meus dias no parque mais bonito!

Eu cresci, e a vontade nunca passou (a de comer algodão doce nunca passa também, rs), mas no final de semana acabei com essa frustração em grande estilo, diga-se passagem! Recebi um kit especial da Coca-Cola me convidando para viver essa experiência na companhia de grandes amigos, em sua Roda-Gigante no Farol da Barra. Oba! 😀

farol da barra roda gigante coca cola

E lá fui eu, vestida à caracter com um look do dia confortável, inspirado pela ocasião. Me senti a própria Coca-Cola, mesmo não sendo essa Coca-Cola toda, rs!

look do dia making of roda gigante coca cola amanda dargone 2 look do dia making of roda gigante coca cola amanda dragone– Rolou até making of, hahaha! –

Até abri a exceção para usar o boné estilo outdoor, assumindo meu papel de garota propaganda! Adoro brincar com temas na hora de me vestir, buscando peças que traduzam o momento. Vocês também?

look do dia roda gigante coca cola amanda dragone

Nunca tinha usado boné, mas não é que gostei? Em doses moderadas e dependendo da ocasião, como essa… achei o máximo! Deu um estilo a mais no visual, junto com o All Star e em contrapartida, os cabelos de ladinho com babyliss. ❤

look do dia roda gigante coca cola look do dia roda gigante coca cola bolsa vermelha

Um verdadeiro hi-lo! De um lado peças clássicas: t-shirt transparente de chiffon, short alfaiataria, batom vermelho e bolsa estruturada. Do outro, o boné, all star e cinto com tachas, fazendo uma linha street.

look do dia roda gigante coca cola cinto preto tachas salinas look do dia roda gigante coca cola all star look do dia roda gigante coca cola amanda dragone 2

Blusa: doação da irmã (não tem mais a etiqueta) Top: Loungerie Short: Siberian – em promo, R$40 Cinto: Salinas – R$70 Bolsa: Farm (em promo, R$199) Tênis: All Star para Bo.Bô (no Outlet Premium por R$79)

Um dia realmente divertido ao lado de amigos-blogueiros Leow Lopes do Papo de Buteco e Belle Felix do Bacanudo, com direito à uma vista incrível para o mar em um dos principais pontos de Salvador, do ladinho do Farol da Barra, e sem planejar, tive ainda a sorte de estar no alto da Roda Gigante bem na hora do pôr do sol. Coisa mais linda! ❤

amanda dragone leo lopes roda gigante coca cola amanda dragone isabelle felix roda gigante coca cola

Já quero repetir a dose no próximo final de semana. Quem me acompanha? 😀 Está rolando outras atrações além da roda-gigante, que vai ficar por lá até dia 31 de maio. Bastante tempo pra gente aproveitar, e o suficiente pra deixar saudade.

Fotos: Leow Lopes

3 combos fashionista para salvar em dias de pressa!

Tem dias que a gente precisa acordar mais cedo que o habitual para resolver mil pendências. Quando isso acontece, não dá pra perder tempo pensando no look ou caprichando na maquiagem. Às vezes nem sobra humor pra isso! Em época de TPM então… nem se fala! Mas também não dá pra sair de casa com cara de sono e descabelada para encarar os compromissos do dia, né?

É aí, nesse exato momento, que o combo fashionista entra em ação para solucionar o nosso problema sem esforço, mas com muito estilo! Aquela combinação infalível e descolada que tem o poder de dar um up instantâneo no nosso look. 😀  Confira os meus 3 combos preferidos:

óculos redondo batom coque alto

COQUE ALTO + ÓCULOS REDONDO + BATOM VIBRANTE = A escolha perfeita para disfarçar a carinha de sono quando a preguiça de sair de casa parece não ter fim. Nesse dia, nem o cabelo quer colaborar! Mas, nada que um coque alto não resolva deixando o visual super cool! Já o batom de tom vibrante é o truque rápido para dar a impressão de que estamos impecavelmente maquiadas, enquanto, na verdade, as olheiras estão por baixo do óculos! 😀 rs

camila coutinho look tshirt saia lapis maxi colar

T-SHIRT + SAIA LÁPIS + MAXI COLAR = Um look arrumadinho e descolado para encarar diferentes momentos desse dia cheio de compromissos e ir maravilhosa da reunião de trabalho (em caso de profissões menos formais), ao banco, mercado e happy hour! Já o sapato fica por conta da nossa disposição – salto ou rasteirinha, tanto faz! Vale até cair na moda sportwear e tirar aquele tênis de academia mais sequinho para um passeio. 😉

look blazer short jeans scarpin

BLAZER + SHORT JEANS + SCARPIN = Uma combinação elegante e versátil, que equilibra o tom despojado do short jeans com a formalidade do blazer e scarpin! Ideal para resolver algumas pendências no shopping, e quem sabe, emendar um programa com as amigas! Vai que elas topam assistir um filme no cinema ou uma baladinha!

Gostaram das dicas? Assim a gente não perde tempo e sai de casa bem independente do dia e do nosso humor! ❤ Qual seria o quarto combo de vocês? Conta pra mim!

Desculpe o transtorno, meu estilo está em manutenção

Tem momentos em nossa vida que a gente abre o armário e só consegue pensar uma coisa: “não tenho roupa!”. Bem, nem sempre isso é resultado de um surto de consumismo. É verdade que existem muitas peças ali, mas a gente já não se identifica com quase nada.

Estamos em constante transformação, passamos por diversas fases e algumas nos fazem enxergar as coisas de um jeito diferente e ter novos gostos e vontades. O estilo, como reflexo de quem somos, entra nesse processo também. Isso já aconteceu algumas vezes comigo; agora, inclusive. E por mais que pareça, não é fácil. Começando pelo apego que temos com o que já está no nosso guarda-roupas, porque “vai que um dia eu uso, faço uma combinação diferente ou volta à moda. Já é meu mesmo, deixa ali.” Para tudo!

PLACA NOVO ESTILO

Às vezes a gente nem entende porque novas peças entram no nosso acervo e ainda assim parece que não temos o que queremos vestir. Bem, acho que posso explicar: se imagine entrando em uma loja. Você, que estava acostumada a comprar saia rodada, vai diretamente para a arara onde elas estão penduradas. É a nossa memória de consumo entrando em ação. Estamos familiarizados com aquela peça!

Quantas vezes me peguei fazendo isso… e ainda me pego, repetir escolhas que no fundo eu não quero mais. A diferença é que aprendi a pisar no freio! Porque quando a gente para pra refletir sobre o estilo que desejamos revelar, trazemos esse hábito para o consciente, e então temos o poder de evitar que ele aconteça. Por isso é tão importante definir as nossas escolhas antes de ir às compras. Pense, reflita, observe, se reconheça!

Eu mesmo, fui descobrindo aos poucos que, quando fico na dúvida sobre alguma peça, é porque ela não fará muito por mim. Provavelmente em pouco tempo estará entre minhas doações ou no próximo brechó com as amigas. Já ouvi gente dizendo que, na dúvida, leva. Eu funciono da forma contrária, afinal, nenhum objeto é insubstituível e quando a gente gosta mesmo, não tem dúvida certa que nos impeça de levar. Prefiro gastar meu dinheiro sem receio de estar fazendo uma escolha “errada”.

Tudo entendido! Hora de ir às compras? Não! 😀 Hora de reservar um, dois, três ou mais momentos para se desapegar do que não faz mais o seu estilo! Um dos passos essenciais para o novo estilo, e que particularmente tenho o maior prazer em praticar! É tão bom ter a sensação de estar abrindo espaço para que as novas peças sejam bem recebidas. ❤ Entendo que seja difícil pra muita gente, mas acredite, é só uma questão de exercício.

Afinal, uma coisa é deixar na loja o que nunca foi seu, outra coisa é tirar do guarda-roupas uma roupa que você investiu tempo e dinheiro e cá pra nós, ainda dá pro gasto. Mas, quem disse que a gente quer roupa quebra galho? Imagine suas roupas como peças de um desfile. Agora pense: o que você quer ver na passarela do seu dia a dia? E não estou falando sobre roupas glamurosas, mas de uma “coleção” feita por você, para você.

Vivo avaliando e reavaliando as peças do meu guarda-roupas com a intenção de lapidar meu estilo. Me conhecer melhor e descomplicar minhas escolhas, entendendo cada uma delas. E estou bem feliz e orgulhosa por estar conseguindo cumprir a tarefa de casa, sem neura e sem consumismo. Ainda tiro peças do armário, mesmo depois de ter deixado apenas 35 blusas entre regatas e camisas sociais, rs!

Mas é claro que você não precisa fazer exatamente o mesmo. Até porque, a necessidade de mudança é uma experiência individual. O que você conseguir é válido, sem cobrança, mas com dedicação! Comece se fazendo algumas perguntas: você compraria novamente aquela peça? Ela veste bem em você? Você se sente bonita com ela? Ela é confortável e se adequa ao seu dia a dia? Tudo isso vai te ajudar, e muito, a decidir o que muitas vezes o apego não permite.

Chega a ser libertador ultrapassar essa dificuldade inicial. Ficamos resistentes, mas esse processo exige mesmo uma atitude um pouco mais radical para que a mudança possa acontecer e você veja florescer o novo estilo diante do espelho e em cada sapato, roupa e acessório que mora em seu armário. Nada melhor que abrir as portas dele e só enxergar peças que você se identifica, penduradas na arara.

guarda-roupas

É até uma questão psicológica, quer ver? Você abre seu guarda-roupas, e junto das peças que você gosta, tem um monte de outras que você já não se identifica. Aí, na hora de escolher o look, você vai passando a mão pelos cabides e selecionando: essa não, não, essa também não, ah, ok, essa sim. Não seria melhor ver que cada uma delas é uma opção real para você?

Tente! Toda essa dedicação vai te impulsionar para novas conquistas, de autoestima, amadurecimento, e fatalmente vai te inspirar a fazer combinações que nem passavam antes pela sua cabeça, pois é quando parece que temos menos opção que a gente aprende a brincar com as peças e entender que o segredo não está na quantidade, mas na qualidade de cada escolha. 😉

Prontas para começar a reflexão, desafio e novo estilo?